Argentinos recusam proposta para o trigo

Publicado em 21/09/2011 07:45 286 exibições
Os produtores de trigo da Argentina rejeitaram uma proposta da Agricultores Federados Argentinos (AFA) que, supostamente, pretende acabar com as distorções na comercialização dos cereais no mercado local.

A AFA, cooperativa apoiada pelo governo, sugere que, uma vez realizada a projeção da produção anual pelo Ministério de Agricultura, os produtores recebam dois certificados emitidos pela Administração Federal de Renda Pública (Afip), equivalente à Receita Federal. Um deles compromete o produtor a vender 40% de sua safra ao mercado doméstico. O outro garante a exportação do trigo disponível.

Para o secretário da Confederações Rurais Argentinas (CRA), Javier Jayo Ordoqui, a medida "não resolve o problema porque a interferência do governo no mercado continua". Para ele, a proposta "é uma artimanha para disfarçar a transferência de valor do produto para os compradores, moinhos e exportadores". Segundo ele, quando o mercado sabe que a demanda está garantida por valor máximo controlado pelo governo, deprime os preços.

Tags:
Fonte:
DCI

0 comentário