Produtores de vinho catarinenses esperam safra maior neste ano

Publicado em 06/03/2017 12:31

A safra de 2016 não deixou saudade para os produtores de vinhos finos de altitude da Serra e do Meio Oeste catarinense. Uma geada tardia, no fim de 2015, causou a queda acentuada na produção dos vinhedos, o que refletiu negativamente no número de garrafas lançadas no mercado. Esse cenário ficou para trás. Para este ano, a expectativa é de retornar à normalidade, com aumento de 33% na safra.

A colheita da fruta começou no início do mês, quando também ocorre a 4a Vindima de Altitude para marcar a data, e vai até maio.

Segundo Guilherme Grando, presidente da Vinhos de Altitude, associação que congrega os 35 produtores catarinenses, o clima foi o principal fator positivo desta temporada. Houve frio na medida certa e muito sol ao longo do verão, garantindo alto índice de açúcar natural na planta e sabor diferenciado. Como os vinhos estão localizados acima dos 900 metros de altitude, o frio noturno também oferece o descanso necessário para que a planta possa crescer ao máximo.

– Neste ano teremos quantidade e qualidade. Devemos produzir 1,6 milhão de quilos – diz Grando, lembrando que no ano passado a safra foi de 1,2 milhão de quilos.

Veja a notícia na íntegra no site do Diário Catarinense

Fonte:
Diário Catarinense

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário