Cebola: Importação do bulbo argentino pode ser favorecida

Publicado em 18/02/2020 09:29
33 exibições

Santa Catarina é a principal praça ofertante de cebola deste período, com pouco mais da metade do estoque disponível para comercialização. O aumento da safra catarinense, promovido pelas condições meteorológicas favoráveis e pela maior oferta nordestina (até a primeira quinzena de fevereiro), elevaram o volume nacional e mantiveram as cotações em baixos patamares.

A previsão para um aumento dos preços, por outro lado, ocorre com a gradual liquidez dos estoques no Sul e com o encerramento da comercialização no Nordeste – que já está com volume quase zerado. À medida que isto ocorre, cria-se um cenário favorável à entrada de bulbos argentinos no Brasil.

A desvalorização da moeda do país sul-americano pode favorecer a competitividade do produto no Brasil, visto que pode ser comercializado a preços menores e, mesmo assim, gerar bom retorno ao produtor argentino. Mas, devido à maior produção brasileira atual e à entrada das praças de São Paulo e Cerrado no mercado, logo após o término da safra sulista, a janela de entrada do bulbo internacional pode ser reduzida, refletindo em menor volume importado frente ao registrado em 2019.

Tags:
Fonte:
Cepea/Hortifruti

0 comentário