Açaí e castanha recebem apoio na potencialização comercial da biodiversidade em encontro de valorização da floresta

Publicado em 29/09/2020 17:19 73 exibições

Especialistas da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em ações relacionadas à valorização dos produtos originários da biodiversidade vão participar, amanhã (30), do webinário Bioeconomia da Floresta,  direcionado ao apoio da cadeia do açaí e da castanha dos estados do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima. Esta é a sétima edição desse tipo de encontro virtual promovido pelo Serviço Florestal Brasileiro para diversas de produção extrativa, com participação de outros órgãos federais, entre eles o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a Embrapa e o Banco da Amazônia.

Os técnicos Ianelli Sobral e Marisson Marinho, das superintendências de Gestão da Oferta e de Suporte à Agricultura Familiar, da Conab, vêm defendendo, desde os últimos encontros, as Oportunidades de Compra e Subvenção de Produtos da Sociobiodiversidade focado nos dois produtos.

Pela Política de Garantia de Preços Mínimos para Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio), exemplo oferecido pela Ianelli noutro encontro, “somente entre 2016 a 2020, foram subvencionadas 1,6 mil toneladas de açaí e a Conab adquiriu R$ 990 mil de 684 extrativistas nos estados do Amapá, Pará, Amazonas e Acre”, enfatizou.

Por sua vez, Marisson disse que as operações do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), da agricultura familiar, tiveram um aporte de R$ 12,9 milhões, de 2009 a 2020, para o açaí, e de R$ 9,4 milhões para a castanha, considerando os estados do Amapá, Mato Grosso e Pará.

O objetivo dos demais participantes desse encontro na região amazônica também segue a linha do desenvolvimento de oportunidades e da potencialização comercial para os extrativistas, facilitando o escoamento do açaí e da castanha na região. 

Tags:
Fonte:
Conab

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário