Cebola/Cepea: Comercialização se intensifica em junho

Publicado em 17/06/2021 11:39 23 exibições

Devido ao aumento da oferta nacional, os preços da cebola estão se reduzindo nas regiões produtoras do Nordeste na parcial de junho (1° a 11/06). Em Irecê (BA) e no Vale do São Francisco (BA/PE), as cotações ao produtor recuaram 12,6% e 15,9%, respectivamente, em relação à média do mês de maio. O principal fator que contribui para esta queda é a concorrência com os bulbos mineiros e paulistas, que dificultam o escoamento.

Por outro lado, a colheita das regiões nordestinas se reduziu significativamente na última semana, devendo continuar em menor ritmo nos próximos dias. Na primeira quinzena de junho, houve um maior protagonismo do Cerrado no mercado nacional, devido à intensificação da colheita nas regiões do Triângulo Mineiro (MG) e de Cristalina (GO).

Em São Paulo, por sua vez, o mercado das praças de Divinolândia e Piedade tiveram certa estabilidade nos últimos dias. Apesar da pouca área, a safra de bulbinhos nestas regiões esteve favorável e, com a boa qualidade dos produtos, a previsão é de encerramento das atividades até o final deste mês.

Assim, por conta do aumento da produção nacional, a importação da Argentina foi encerrada no final de maio. Para julho, a estimativa é de que a oferta de cebola permaneça alta no País.

De modo geral, os fatores climáticos estiveram propícios aos trabalhos de campo em todas as regiões produtoras, o que pode garantir uma produtividade satisfatória para a safra 2021.

Fonte:
Cepea/Hortifruti

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário