Justiça decreta fim da terceirização na colheita da laranja e indenização

Publicado em 27/03/2013 08:12
731 exibições
Pela decisão, as indústrias podem ter que pagar R$ 455 milhões em indenizações por danos morais. Para a Justiça, foi mais de uma década de irregularidades trabalhistas no campo. A decisão exige ainda o fim da terceirização nas atividades de plantio, cultivo e colheita da laranja. A Justiça foi favorável a ação movida pelo Mistério Público do Trabalho. Na sentença, o juiz Renato Janon relata que a produção e colheita da fruta fazem parte da atividade-fim da indústria de suco. Detalhes como o grau de maturação e o teor de açúcar são fundamentais para as empresas, o que mostra que elas interferem diretamente na produção da laranja.

Veja a notícia na íntegra no site do Globo Rural
Tags:
Fonte: Globo Rural

Nenhum comentário