Geada preocupa citricultores da Flórida

Publicado em 28/12/2010 17:14 450 exibições
 Alguns produtores de laranja da região central da Flórida reportaram estragos nas frutas provocados por uma geada na madrugada desta terça-feira, e temem possíveis danos às folhas e pequenos ramos das árvores.

"Saindo dos últimos dois dias, definitivamente há estragos significativos nas frutas", disse Ray Royce, diretor executivo da Associação dos Citricultores Highlands County Citrus, da região central da Flórida, à Reuters.

"O outro receio é que poderemos ter muitos estragos nas folhas e pequenos ramos", acrescentou.

Royce disse que as temperaturas devem voltar a subir nos próximos dias, e que isso poderia provocar a queda das frutas que sofreram estragos.

Os citricultores afirmam que estão observando atentamente os pomares para ver se eles se sustentarão após estes danos.

"Está congelado em toda parte", disse Edward Schwartz, que trabalha para a Larry Davis Inc, de Wauchula, Hardee County.

Ele reportou temperatura de 25 graus Fahrenheit (quase 4 graus Celsius negativos). Em algumas áreas, o gelo penetrou nas frutas, o que prejudica a produção de suco.

Tradicionalmente, os pomares sofrem estragos se a temperatura ficar abaixo de 28 graus Fahrenheit (2 graus Celsius negativos) por mais de quatro horas.

Jennifer McNatt, do Serviço Nacional Climático, de Tampa Bay, disse que isso ocorreu em algumas áreas. "Parece que as temperaturas variaram entre 27-28 graus (Fahrenheit) nestas áreas por algumas áreas", disse.
Em Polk County, principal condado produtor de citros da Flórida, houve "algum dano isolado", disse Adam Pate, da Statewide Harvesting and Hauling, responsável pela colheita da Dundee Citrus.

"As temperaturas supostamente devem subir e isso é sempre um receio, de que a fruta possa cair prematuramente", acrescentou.

As informações sobre os danos nos pomares variavam e ainda era muito cedo para medir um possível impacto na indústria de citros da Flórida, de 9 bilhões de dólares.
Tags:
Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário