Primeiros painéis em SC levantam custos da pecuária de leite

Publicado em 27/05/2022 15:46
Programação neste segmento contou com reuniões em Treze Tílias e Braço do Norte. Eventos seguem na segunda-feira (30) em São Miguel do Oeste e na quarta (1º de junho), em Chapecó.

O Sistema CNA/Senar iniciou os levantamentos de custos de produção agrícolas e pecuários de 2022 do Projeto Campo Futuro, iniciativa que está no seu 15º ano de execução. Em Santa Catarina, a ação que é realizada em parceria com o Sistema Faesc/Senar-SC e Sindicatos Rurais, teve seu primeiro painel na terça-feira (24), reunindo produtores de pecuária de leite do município de Treze Tílias. 

A programação na área de pecuária leiteira seguiu nesta quinta (26) reunindo produtores em Braço do Norte. Na segunda-feira (30) ocorrerá painel em São Miguel do Oeste e na quarta (1º de junho), em Chapecó.

O presidente do Sistema Faesc/Senar/SC e vice-presidente de finanças da CNA, José Zeferino Pedrozo, frisou que o Campo Futuro é um projeto de gestão de custos e riscos voltado para produtores rurais, com propósito de calcular os gastos de produção nas propriedades e utilizar as operações em mercado futuro. “Após os painéis, as matrizes de custos e as informações sobre as receitas médias são atualizadas pelas instituições parceiras do projeto. O Campo Futuro é fundamental para termos à disposição dados reais de cada região. Com base nisso, conseguimos planejar ações adequadas para uma eficiente gestão de custos que atenda às necessidades locais e regionais”, destacou o dirigente.

Os painéis na área de pecuária de leite em Santa Catarina vêm sendo conduzidos por representantes da CNA e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).    Guilherme Souza Dias, assessor técnico da CNA, que participou dos dois primeiros painéis na área do leite, observou que a proposta é fazer uma fotografia da produção leiteira nas regiões com o objetivo de verificar como a produção se comportou no ano anterior. Segundo ele, o objetivo é gerar informações para as tomadas de decisões dos produtores rurais e para atualizar o modal produtivo. A atividade na área de pecuária de leite é desafiadora e fundamental para o desenvolvimento da economia”.

Os presidentes dos Sindicatos Rurais de Água Doce, que representa o município de Treze Tílias, Newton Luiz Bedin, e do Sindicato Rural de Braço do Norte, Edemar Della Giustina, também mencionaram a importância da iniciativa para os produtores e técnicos que cuidam do futuro das propriedades. 

Na abertura do painel de Treze Tílias, o assessor jurídico e vice-presidente regional da Faesc, Clemerson José Argenton Pedrozo, ressaltou o quanto o Campo Futuro vem sendo importante para a evolução do desempenho, não somente na área do leite como em todo o setor agropecuário desde que foi criado há cerca de 15 anos. “Trata-se de um projeto essencial para acompanharmos a evolução regional dos custos de produção e para termos conhecimento sobre a rentabilidade das atividades agropecuárias”.

O vice-presidente da Faesc, Enori Barbieri, conduziu a abertura do Campo Futuro em Braço do Norte e enalteceu o esforço do presidente Pedrozo, da CNA e do CEPEA para favorecer a geração de informações para análises de mercado, prospecção de capacitações e desenvolvimento de políticas voltadas à melhoria da competitividade do setor.

CAMPO FUTURO NO PAÍS

O Campo Futuro será executado em 141 municípios, distribuídos em 21 estados brasileiros. A iniciativa conta com o apoio das Federações de Agricultura e Sindicatos Rurais, além da participação dos produtores rurais locais. Os dados oriundos das 11 atividades agropecuárias pesquisadas contribuirão para a identificação de estratégias de comercialização, formação de custos de produção e nível tecnológico das atividades desenvolvidas nas principais regiões produtoras do Brasil.

São parceiros do Sistema CNA/Senar na realização do Projeto Campo Futuro o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), Centro de Inteligência de Mercados da Universidade Federal de Lavras (CIM/UFLA), Pecege (Esalq/USP) e Labor Rural (Universidade Federal de Viçosa - UFV).

CONFIRA OS PRÓXIMOS PAINEIS DE SANTA CATARINA:

 

·     PAINÉIS CAMPO FUTURO EM PECUÁRIA DE LEITE

- São Miguel do Oeste: 30/05, das 13h30 às 18 horas. 

- Chapecó: 01/06, das 13h30 às 18 horas.

 

·     PAINÉIS CAMPO FUTURO PARA SOJA, MILHO E TRIGO

- Xanxerê: 13/06, das 13h30 às 17 horas.

- Campos Novos: 14/06, das 13h30 às 17 horas.

 

·     PAINEL CAMPO FUTURO PARA ARROZ

- Araranguá: 15/06, das 13h30 às 17h30.

Fonte:
Assessoria de imprensa

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário