ALL: Motoristas podem paralisar o transporte de grãos

Publicado em 27/09/2010 08:02
750 exibições
O terminal ferroviário de Alto Araguaia, pertencente à América Latina Logística (ALL), atingiu lotação máxima na última quinta-feira na movimentação de caminhões. A fila dupla formada pelos veículos pesados somou cerca de três quilômetros na BR-364. Há cerca de um mês o problema levou á paralisação dos transportadores que exigiram adequações para retomada dos serviços.

A ALL é concessionária da ferrovia Senador Vicente Vuolo que liga Mato Grosso ao estado de São Paulo e ao porto de Santos. Segundo a Federação dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Estado de Mato Grosso (Fettremat), o pátio da empresa comportou somente 400. Muitos motoristas tiveram que deixar seus caminhões estacionados na estrada. Em função das dificuldades apontadas pelo segmento, líderes sindicais não descartam a possibilidade de uma nova paralisação do transporte de grãos para terminais (portos secos) de Alto Araguaia e Alto Taquari, ambos no sul de Mato Grosso.

Segundo o presidente da entidade, Luiz Gonçalves da Costa, a ALL descumpriu a determinação do juiz Juarez Gusmão Portela, da 2ª Vara do Trabalho de Rondonópolis, que acatou o pedido, por força de uma liminar, requerido pela entidade [Fettremat] no mês passado.

A medida liminar obriga que a ALL atenda apenas o limite do número de atendimentos nos terminais, recebendo somente a quantidade de veículos que têm capacidade de atender em um único turno de trabalho. Com esse congestionamento, está mais do que evidente que o pedido judicial não foi observado. Luiz Gonçalves afirma que o indicativo de greve aprovado pelos trabalhadores continua. Temos um indicativo de paralisação das atividades de transportes para os terminais. Vamos aguardar o posicionamento da Justiça diante o descumprimento da liminar, disse.
Tags:
Fonte: Diário de Cuiabá

Nenhum comentário