Paraná retoma programa de conservação de água e solos

Publicado em 31/08/2016 08:23
149 exibições

O governo do Paraná vai formar 2 mil técnicos em todas as regiões do Paraná para retomar o seu famoso programa de conservação de solo. No fim dos anos de 1980 e começo dos 1990, o projeto ficou internacionalmente conhecido por ser um dos mais eficientes do planeta. Atualmente, no entanto, muitas das práticas que levaram ao reconhecimento foram deixadas de lado e a estimativa do governo é de que 30% das terras cultivadas no estado registrem algum tipo de erosão.

A cerimônia oficial de lançamento do Programa Integrado de Conservação de Solo e Água do Paraná, conduzido pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Paraná (Seab), ocorreu nesta segunda-feira (29), em Curitiba. A iniciativa é desenvolvida pelo governo estadual em parceria com 15 entidades dos setores público e privado do agronegócio.

A proposta principal do programa é a retomada de sistemas que priorizam a conservação de solo, como o plantio direto e o plantio de nível. que foram abandonadas em muitas propriedades Entre as iniciativas apresentadas pelo programa estão a conscientização e a capacitação das tecnologias para produtores e técnicos. A interação entre órgãos públicos, sociedade e organizações civis também está no rol de atividades.

Leia a notícia na íntegra no site Gazeta do Povo.

Fonte: Gazeta do Povo

1 comentário

  • Luiz Antonio Lorenzoni Campo Novo do Parecis - MT

    Lembro de sua implantação, pois sempre foi uma bandeira da Associação de Engenheiros Agrônomos do Paraná ?AEAPR dos bons tempos e da qual fui sócio de 1982 a 1993, inclusive sendo coordenador do PMISA em Mangueirinha. Foi um programa que revolucionou a agropecuária do Paraná e contava com forte apoio de todos os paranaenses. É auspicioso ver que o maior patrimônio da humanidade, o solo, volta a ser o centro das atenções.

    1