Milho: Venda da soja e incertezas sobre tendência limitam negócios

Publicado em 20/03/2012 10:06 610 exibições
As negociações de milho parecem atravessar um período de entressafra, quando a disponibilidade do produto tende a ser baixa. Porém, a colheita avança de forma satisfatória, com cerca de 50% das lavouras colhidas no Sul e com bom avanço dos trabalhos nos estados do Sudeste e do Centro-Oeste. De acordo com informações do Cepea, a opção de produtores por comercializar a soja tem limitado a oferta de milho no mercado spot. Além disso, as expectativas divergentes quanto à tendência de preços para os próximos meses também inibem vendedores e compradores para negócios em grandes volumes. Nesse contexto de baixa liquidez, tem prevalecido a pressão compradora, e os preços internos têm cedido na maioria das regiões. As necessidades de caixa e de liberação de armazéns têm contribuído para que produtores de algumas regiões optem por ceder aos pedidos de compradores. O Indicador ESALQ/BM&FBovespa (referente à região de Campinas; valores a prazo são convertidos para à vista pela taxa de desconto CDI) caiu 0,85% entre 12 e 19 de março, fechando a R$ 29,31/saca de 60 kg nessa segunda-feira. Se considerada a taxa de desconto NPR, o preço médio à vista na região de Campinas foi de R$ 28,80/sc de 60 kg na segunda-feira, queda de 0,89% em sete dias.
Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário