Milho: Governo autoriza compra de 300 mil t para recomposição dos estoques

Publicado em 21/01/2013 12:42
730 exibições
Por meio de uma Medida Provisória publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (21), o governo autorizou em caráter excepcional a compra de até 300 mil toneladas de milho que sejam recompostos os estoques públicos. O grão também será utilizado em vendas de balcão a pequenos criadores de animais da área de atuação da Sudene (Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste). 

Segundo um comunicado do Ministério da Agricultura, o ministro Mendes Ribeiro Filho informou que essa medida foi tomada em caráter emergencial em função do estado de calamidade em que se encontram algumas cidades do Nordeste.

Atualmente, o estoque de milho da Conab (Companhia Nacional do Abastecimento) é de 250 mil toneladas e poderá ser utilizado, se necessário, para beneficiar pequenos produtores do Sul do Brasil. 

Nos próximos dias, a quantidade mensal de milho para venda direta será definida pelos ministérios da Agricultura, Fazenda e Planejamento, Orçamento e Gestão. As autoridades também deverão decidir sobre a metodologia de preços nos leilões, bem como os limites e condições de venda do volume adquirido.  
Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • jose renato da silva Uberlândia - MG

    Esta compra emergencial, vai acabar inflacionando o mercado de milho e de frete. Se cuide aqueles consumidores da SUDENE que não sao atendidos pela venda de balcao. Se o governo quer comprar, que seja agressivo e com isso, criará elevação de preço do milho e de frete...

    0