Milho: Estiagem de 30 dias preocupa produtores de Aral Moreira (MS)

Publicado em 06/03/2013 13:18
507 exibições
A estiagem é a principal preocupação dos produtores de Aral Moreira (MS) para o plantio do milho safrinha. Uma das regiões da cidade, que faz divisa com o município de Coronel Sapucaia, enfrenta problemas há mais de 30 dias.

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Aral Moreira, Osvin Mittank, enquanto em uma região da cidade chove em excesso, a divisa está sem chuvas desde o dia 24 de janeiro. "A soja já foi colhida, mas o prejuízo na produção do milho é garantido", afirmou Mittank.

Mittank apontou também que a colheita da soja foi excepcional e que a primeira expectativa de produtividade para o milho era de 80 sacas/ha. Mas agora, com a seca, essa expectativa baixou para 50 sacas/ha, um número estimado ainda contando com melhores condições climáticas nos próximos dias.

A incidência de pragas, no entanto, não é tão preocupante, pois as variedades plantadas do milho têm resistência maior a elas. Apesar da estiagem dificultar a aplicação de fungicidas e inseticidas.

Para o mês de março, a tendência é de que a chuva aconteça de forma muito irregular na região, apenas de forma rápida e isolada, de acordo com a meteorologista Fabiana Weykamp, do Climatempo. "Na segunda-feira a chance de chuva aumenta em Aral Moreira, por causa do avanço de uma frente fria", conta Fabiana.
Tags:
Por: Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário