Conab negocia 453 mil toneladas de milho do MT em leilão desta sexta (20)

Publicado em 20/09/2013 13:57
1031 exibições

Leilão de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro), realizado nesta sexta-feira (20) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para Mato Grosso, assegurou a venda de 453,083 mil toneladas de milho produzidas no estado. O volume representa 82,38% de 550 mil toneladas programadas para a subvenção à comercialização pelo governo. O valor total pago pela operação é de R$ 19,643 milhões, com um deságio de 7,66% em relação ao preço de abertura.

Na região Norte e Centro Sul de Mato Grosso foram garantidos subisídios para a comercialização de 147,6 e 250 mil toneladas de milho respectivamente. Já na região Centro Norte do estado, onde estão os municípios de Ipiranga do Norte, Lucas do Rio Verde, Sorriso, Tapurah, foram negociados subsídios a 55,4 mil toneladas do produto.

O Prêmio será pago aos produtores rurais ou cooperativas que atendam as regras e condições previstas no regulamento Pepro001/08 e no aviso nº157 publicado na última sexta-feira (13/07) no site da Conab. Eles deverão vender e entregar o grão nos locais definidos em edital. O produto não poderá ter como destino final os estados que compõem a região Centro-Oeste, Sudeste (exceto RJ, ES e Norte de MG) e os estados da Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Piauí, Rondônia e Tocantins.

Este foi o sexto Pepro realizado no âmbito da Portaria Interministerial MAPA/MF/MP nº 456, de 05/07/13. Ela autoriza recursos de até R$ 700 milhões para apoio à comercialização do milho nas localidades onde o preço do cereal vem sendo comercializado abaixo do custo de produção. O objetivo do governo é sustentar o preço do cereal e garantir o escoamento para aliviar a pressão que a entrada da safra recorde no mercado exerce sobre os preços.

Tags:
Fonte: Conab

0 comentário