Milho: Com avanço no plantio dos EUA, mercado recua pelo 2º dia consecutivo

Publicado em 08/05/2014 09:47 579 exibições

Nesta quinta-feira (8), os futuros do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) operam com ligeiras quedas. Por volta das 9h28 (horário de Brasília), as principais posições da commodity exibiam leves perdas entre 0,25 e 2 pontos. O contrato julho/14 era negociado a US$ 5,13 por bushel.

Apesar dos fundamentos favoráveis aos preços do cereal, o mercado dá continuidade ao movimento de realização de lucros iniciado no último pregão. Os preços foram pressionados pelo avanço no plantio do grão nos Estados Unidos.

Segundo analistas, em Iowa e Illinois, importantes estados produtores, a semeadura do grão entrou na reta final. Ainda existem algumas preocupações em relação aos estados de Dakota e Minnesota. Mas, de maneira geral as previsões indicam clima favorável e chuvas limitadas para os próximos dias em partes do Meio-Oeste.

De acordo com informações do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), o plantio do milho atingiu 29% da área projetada até o último dia 4 de maio. A média dos últimos cinco anos é de 42%.

Em contrapartida, os investidores já começam a especular sobre os próximos números do relatório e oferta e demanda do USDA, que será divulgado na sexta-feira (9). A expectativa é que o departamento reporte uma redução na safra norte-americana, de 354 para 345 milhões de toneladas.

A expectativa do mercado é que o órgão também estime um corte nos estoques finais de passagem da safra mundial 2013/14 para 157,8 milhões de toneladas. O número estimado anteriormente foi de 158 milhões de toneladas.

Tags:
Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário