Milho: Mercado fecha positivo na BM&F e preços mantêm os R$ 30,00 no porto; dólar contribui

Publicado em 11/03/2015 18:44
206 exibições

O mercado internacional do milho fechou o pregão desta quarta-feira (11) em campo positivo na Bolsa de Chicago. Os futuros do cereal terminaram o dia com ganhos de 1,75 a 3 pontos entre os principais vencimentos, com o julho/15 valendo US$ 3,98 por bushel. 

A sessão foi marcada por uma tentativa de recuperação dos preços depois das ligeiras baixas registradas no pregão anterior. Entretanto, o mercado do milho na CBOT ainda necessita de novas informações para definir uma direção mais clara para as cotações e expressar oscilações mais expressivas, segundo explicam analistas.

Depois de poucas mudanças nos números trazidos pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) em seu último boletim mensal de oferta e demanda, os investidores apostam agora nas novas projeções que serão divulgadas para o plantio da safra 2015/16 dos EUA, segundo explica o analista de mercado Camilo Motter, da Granoeste Corretora. 

Ainda nesta quarta-feira, o mercado encontrou sustentação nos números vindos do setor do etanol norte-americano. A Administração de Informações de Energia cortou os estoques de etanol para 300,000 mil barris na semana que terminou em 6 de março e aumentou a produção do combustível em 13 mil barris para 944 mil. 

No Brasil - No Brasil, os preços registraram mais um dia de ganhos na BM&F, uma vez que os negócios ainda acompanham a trajetória do dólar frente ao real e o dia foi, novamente, de fechamento positivo. A moeda norte-americana terminou a quarta-feira com alta de quase 0,5%, a R$ 3,12. Assim, o contrato setembro fechou o dia valendo R$ 30,02, subindo 0,07%. No porto de Paranaguá, o milho manteve os R$ 30,00, apresentando estabilidade em relação ao início da semana. 

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário