Milho: Preços internacionais começam em alta pelo terceiro dia seguido nesta sexta-feira

Publicado em 22/02/2019 09:26 e atualizado em 22/02/2019 12:19
161 exibições

LOGO nalogo

Assim como nos últimos dois dias, os preços internacionais do milho abrem essa sexta-feira (22) apresentando alta na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam valorizações entre 1 e 1,25 por volta das 08h58 (horário de Brasília). O vencimento março/19 era cotado a US$ 3,76, o maio/19 valia US$ 3,85 e o julho/19 era negociado por US$ 3,93.

Segundo análise de Ben Potter da Farm Futures, os preços do milho sobem já que as compras técnicas superaram as preocupações do mercado sobre o pequeno aumento na estimativa de área plantada em 2019 divulgada ontem pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

O economista-chefe do USDA, Robert Johansson, informou nesta quinta-feira, que o milho norte-americano poderá atingir 92 milhões de acres (mais de 37 milhões de hectares) este ano, um aumento de 3,3% em relação a 2018. O segundo levantamento dos agricultores, divulgado em janeiro, mostrou que eles estavam prontos para plantar apenas 90,3 milhões de acres (36,5 milhões de hectares), enquanto o palpite médio do comércio foi de 91,7 milhões (37,1 mi toneladas). O USDA também espera que o preço médio deste ano aumente 1,4% para US $ 3,65 por bushel.

A Agência Reuters destaca que o mercado segue atento as movimentações das negociações entre Estados Unidos e China. Nesta quinta-feira os principais negociadores comerciais das duas potências conversaram sobre detalhes de um conjunto de acordos que visam acabar com a guerra comercial antes do prazo final imposto por Washington. Essas conversas devem prosseguir durante essa sexta-feira na capital americana.

Já o site Barchart ressalta que os analistas de mercado esperam que o relatório de vendas de exportação de hoje mostre entre 4 e 7 milhões de toneladas em vendas de milho de safras antigas e entre 50.000 e 250.000 toneladas em novas reservas de safras nas semanas de 10 de janeiro a 14 de fevereiro.

Confira como fechou o mercado na última quinta-feira:

>> Milho: Com mercado otimista, preços internacionais sobem até 4,75 nesta quinta-feira

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário