IMEA indica aumento de 6,46% na produção do milho em Mato Grosso

Publicado em 10/04/2019 13:38 e atualizado em 11/04/2019 09:40
141 exibições

LOGO nalogo

O IMEA (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que as estimativas de produção, produtividade e área plantada do milho safrinha foram elevadas com relação à safra passada.

Segundo o Instituto, as estimativas apontam um novo recorde no estado, com 4,74 milhões de hectares cultivados motivados pela possibilidade de antecipar os trabalhos de semeadura dentro das melhores janelas.

Além disso, a produtividade também apresentou um reajuste positivo de 0,98%, passando a ser prevista em 103,23 sc/ha. Assim, o novo relatório estima uma produção de 29,37 milhões de toneladas, o que representa um crescimento anual de 6,46%.

Ao mesmo tempo, o IMEA reporta o recuou do 2,15% do preço do milho mato-grossense nessa última semana, pressionados pelas cotações da bolsa B3, que foram influenciadas pela entrada de oferta da primeira safra no Brasil.

Entre os produtores as perspectivas também se confirmam boas para o milho safrinha no Mato Grosso. O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Sorriso/MT, Luimar Gemi, destaca que uma boa produtividade nessa segunda safra é essencial para o produtor obter uma boa rentabilidade e conseguir equilibrar melhor as contas após a safra de soja.

“O produtor fez o plantio dentro da melhor janela e vem conduzindo suas lavoras da melhor forma possível. No momento, tendo uma boa produtividade, os preços são compensadores e os produtores vão fazendo os travamentos de vendas para garantir seus custos. O preço não é o melhor, mas tendo uma boa produtividade é possível fazer a liquidação das suas pendências”, diz Gemi.

Confira a íntegra do relatório do IMEA:

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário