Milho: Após testar altas na manhã desta 3ª, mercado opera com quedas na Bolsa de Chicago

Publicado em 30/04/2019 12:22 e atualizado em 01/05/2019 11:27
102 exibições

LOGO nalogo

Durante o pregão desta terça-feira (30), os preços do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) operam do lado negativo da tabela. Por volta das 12h08 (horário de Brasília), os vencimentos do cereal exibiam quedas de 1,75 a 2,00 pontos, com o contrato maio/19 a US$ 3,50 por bushel e o julho/19 a US$ 3,59 por bushel.

Segundo Tony Dreibus, analista da Sussccesful Farming, cerca de 15% da safra de milho dos Estados Unidos foi semeada neste domingo, contra apenas 6% na semana anterior. Ainda assim, o percentual cultivado está abaixo da média dos últimos cinco anos, que é 27% para esta época do ano.

B3

A terça-feira é está sendo marcada por desvalorizações aos preços do milho praticados na Bolsa Brasileira (B3). Às 12h08 (horário de Brasília), as principais posições da commodity exibiam quedas de  1,54% e 0,52%. O vencimento maio/19 era cotado a R$ 32,00 a saca e o julho/19 trabalhava a R$ 30,85 a saca.

De acordo com a análise da Radar Investimentos, o mercado interno do milho foi marcado por queda nas principais praças produtoras por conta da percepção de safra cheia em função do clima praticamente perfeito tem ganhado corpo.

Tags:
Por: Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário