Bolsas seguem caindo para os preços do milho nesta sexta-feira

Publicado em 22/01/2021 12:16 e atualizado em 22/01/2021 17:03 814 exibições
Cotações realizam lucros após ganhos de ontem

LOGO nalogo

A sexta-feira (22) segue com os preços futuros do milho recuando na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações negativas entre 1,07% e 1,35% por volta das 11h56 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado à R$ 87,02 com desvalorização de 1,35%, o maio/21 valia R$ 83,24 com perda de 1,28%, o julho/21 era negociado por R$ 76,01 com queda de 1,16% e o setembro/21 tinha valor de R$ 74,00 com baixa de 1,07%.

Os contratos do cereal brasileiro recuam após subirem de patamar nos últimos dias, devolvendo os ganhos dos investidores e acompanhando as flutuações registradas no mercado internacional neste final de semana.

                                    milho_grão_destaque

Sexta-feira é de realziação de lucros nas bolsas para o milho

Mercado Externo

Os preços internacionais do milho futuro também caíam na Bolsa de Chicago (CBOT) nesta sexta-feira (22). As principais cotações registravam movimentações negativas entre 6,25 e 7,00 pontos por volta das 11h59 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado à US$ 5,17 com perda de 6,50 pontos, o maio/21 valia US$ 5,19 com queda de 6,50 pontos, o julho/21 era negociado por US$ 5,16 com baixa de 6,25 pontos e o setembro/21 tinha valor de US$ 4,65 com desvalorização de 7,00 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, apesar de uma grande venda de exportação relâmpago diária anunciada pelo USDA ontem, os preços do milho lutaram esta manhã, caindo em uma nova rodada de realização de lucros e chuvas na América do Sul. Preocupações renovadas com o coronavírus consumiram o setor de energia, também causando fraqueza no complexo do milho.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário