Milho: B3 segue subindo nesta 3ªfeira seguindo o dólar

Publicado em 23/02/2021 11:51 349 exibições
Chicago permanece em alta de olho na safrinha brasileira

LOGO nalogo

A terça-feira (23) permanece com os preços futuros do milho em alta na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 0,87% e 1,86% por volta das 11h35 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado à R$ 88,24 com ganho de 1,08%, o maio/21 valia US$ 88,14 com elevação de 0,87%, o julho/21 era negociado por R$ 82,70 com alta de 1,19% e o setembro/21 tinha valor de R$ 79,25 com valorização de 1,86%.

De acordo com análise da Agrifatto Consultoria, a B3 se valoriza puxada pelo dólar e pela crescente preocupação com a safrinha.

Mercado Externo

Os preços internacionais do milho futuro mantiveram as altas na Bolsa de Chicago (CBOT) nesta terça-feira. As principais cotações registravam movimentações positivas entre 2,00 e 4,50 pontos por volta das 11h35 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado a US$ 5,56 com valorização de 5,00 pontos, o maio/21 valia US$ 5,55 com alta de 5,00 pontos, o julho/21 era negociado por US$ 5,46 com elevação de 4,50 pontos e o setembro/21 tinha valor de US$ 4,92 com ganho de 2,00 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, atrasos na colheita da soja brasileira continuam a aumentar as preocupações sobre as taxas de plantio da segunda safra de milho do Brasil, a safrinha, que é amplamente enviada para o mercado de exportação após sua colheita em junho. Já os futuros de milho safra anterior tiveram um aumento extra de preço esta manhã em meio às previsões de aperto no fornecimento dos EUA. 

“Os ganhos da manhã levaram os preços do milho a níveis máximos em duas semanas”, destaca a analista Jacqueline Holland.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário