Cotação do milho segue buscando se recuperar na B3 nesta 2ªfeira

Publicado em 23/08/2021 11:49 563 exibições
Expectativa de mais produtividade freia alta em Chicago

Logotipo Notícias Agrícolas

A Bolsa Brasileira (B3) permanece registrando leves altas para os preços futuros do milho nesta segunda-feira (20) por volta das 11h42 (horário de Brasília).

O vencimento setembro/21 era cotado à R$ 96,10 com elevação de 0,13%, o novembro/21 valia R$ 96,98 com valorização de 0,50%, o janeiro/22 era negociado por R$ 98,28 com ganho de 0,34% e o março/22 tinha valor de R$ 98,40 com alta de 0,31%.

Os contratos do cereal brasileiro tentam se manter mais altos após encerrar a última semana em baixa, em um movimento que a Agrifatto Consultoria classificou como “liquidação com realização de lucros”.

Mercado Externo

Já os preços internacionais do milho futuro perderam força na Bolsa de Chicago (CBOT) e passaram a operar do lado negativo nesta segunda-feira.

Por volta das 11h35 (horário de Brasília), o vencimento setembro/21 era cotado à US$ 5,36 com queda de 2,00 pontos, o dezembro/21 valia US$ 5,34 com desvalorização de 2,75 pontos, o março/22 era negociado por US$ 5,41 com baixa de 2,75 pontos e o maio/22 tinha valor de US$ 5,46 com perda de 2,75 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, a expectativa de maior produtividade do milho em 2021 impediu que os preços do milho disparassem em uma alta completa esta manhã. 

“Mas o aumento dos preços da energia certamente elevou a perspectiva de uso do milho para a produção de etanol no próximo ano de comercialização”, diz a analista Jacqueline Holland.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário