HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Imea aponta 10º mês seguido com alta no custo de produção do milho no Mato Grosso

Publicado em 23/11/2021 09:35 136 exibições
Fertilizantes e corretivos puxaram esta elevação mensal

Logotipo Notícias Agrícolas

O Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que o custo do milho para a safra 2021/22 subiu 3,24% ao longo do mês de outubro, a décima alta consecutiva desde janeiro/21.

O custeio da safra de milho no estado foi estimado em R$ 2.236,34 por hectare com fertilizantes e corretivos apresentando o maior destaque, com alta de 4,67% no período.

“Essa valorização nos fertilizantes foi impulsionada principalmente pelos macronutrientes, com destaque para o MAP (fertilizante formulado), que em outubro/21 registrou a cotação mais alta da série histórica do Instituto, em função da baixa disponibilidade mundial, atrelada também à valorização do dólar em 5,69% no mês de out/21 ante set/21”, explica a publicação.

O relatório destaca ainda que, fertilizantes e corretivos passaram a representar 47,51% de tudo o que será gasto de custeio para a safra de milho 2021/22 no Mato Grosso, contra o índice de 42,32% que foi registrado na temporada passada 2020/21.

custo fertilizantes e corretivos para milho no Mato Grosso - Imea
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário