HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Estimativa de aumento de 23% na produção de milho total em relação à safra anterior, aponta Conab

Publicado em 16/05/2022 16:17 e atualizado em 23/05/2022 11:16

A redução no volume de precipitações começa a preocupar os produtores paulistas de milho 2ª safra. Apesar disso, a expectativa ainda é otimista para a produção estadual do cereal, devendo alcançar mais de 4 milhões toneladas, um aumento de 23,1% em relação à safra anterior. O destaque é o aumento da produtividade (+20,1%). A área plantada terá expansão de 2,5%, fechando o ciclo em 907,1 mil hectares. Os dados são do 8° boletim da safra de grãos, divulgado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), nesta quinta-feira (12).

A distribuição do volume total estimado para produção paulista de milho é de 1,9 milhão de toneladas na 1° safra e 2,1 milhões de toneladas na 2° safra. No caso do milho 1° safra, a colheita já foi encerrada, com produtividade média de 5.700 kg/há (3,7% superior ao ano passado). 

Quanto à 2° safra, o clima, até o momento, tem sido favorável ao desenvolvimento do cereal. Todavia, na região de Assis produtores já estão preocupados com a falta de chuvas no período de enchimento de grãos. No sudoeste do estado, algumas áreas estão em estágio mais avançado da cultura. Na região de Presidente Prudente, as áreas estão um pouco mais atrasadas e boa parte das glebas ainda estão em estágio de desenvolvimento vegetativo.

Soja – A produção paulista de soja está estimada em 4,68 milhões de toneladas – um aumento de 8,8% em relação à safra passada. A área plantada da oleaginosa no estado fechou o ciclo em 1,2 milhão de hectares. As lavouras já estão todas colhidas e apresentou crescimento na área de 4,6% e de 4,1% na produtividade média em comparação a 2020/21.

Algodão – Com o processo da colheita se intensificando nas próximas semanas, espera-se que São Paulo produza 34,4 mil toneladas de algodão em caroço, nos 8,1 mil hectares destinados à cultura. No sudoeste do estado, o ritmo está mais acelerado e 20% da área está colhida. Já no noroeste paulista, o algodão segue em diversos estágios de maturação: a colheita deve começar na segunda quinzena de maio e finalizar ainda em junho em razão do vazio sanitário.

Arroz – A colheita paulista de arroz já foi finalizada e os grãos apresentaram boa qualidade. O estado produziu cerca de 42,7 mil toneladas de arroz total, um aumento de 7,2% em relação à safra passada. Deste volume, 39,1 mil toneladas referem-se à cultura irrigada e pouco mais de 3 mil toneladas ao sequeiro. 

Amendoim – A produção total estadual da oleaginosa está estimada em 691,6 mil toneladas, um aumento de 23,1% em relação ao exercício anterior. A área plantada deverá fechar a safra em 178,9 mil hectares, representando crescimento de 16,7% em relação ao ciclo 2020/2021. 

Clique aqui para conferir o boletim completo.

Fonte:
Conab

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário