Bolsa Brasileira abre a 6ªfeira com milho em campo misto

Publicado em 05/08/2022 09:26
Chicago fica próxima da estabilidade pesando fundamentos antagônicos

Logotipo Notícias Agrícolas

A sexta-feira (05) começa com os preços futuros do milho operando no campo misto da Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações até a virada do ano recuavam, enquanto o março/23 subia por volta das 09h21 (horário de Brasília). 

O vencimento setembro/22 era cotado à R$ 87,12 com baixa de 0,26%, o novembro/22 valia R$ 89,30 com queda de 0,06%, o janeiro/23 era negociado por R$ 92,10 com perda de 0,32% e o março/23 tinha valor de R$ 93,65 com alta de 0,27%. 

Mercado Externo 

Já a Bolsa de Chicago (CBOT) abre o último dia da semana com flutuações muito próximas da estabilidade, mas ainda assim com os preços internacionais do milho futuro levemente recuados por volta das 09h11 (horário de Brasília). 

O vencimento setembro/22 era cotado à US$ 6,01 com queda de 1,00 ponto, o dezembro/22 valia US$ 6,05 com baixa de 1,00 ponto, o março/23 era negociado por US$ 6,12 com desvalorização de 1,75 pontos e o maio/23 tinha valor de US$ 6,17 com perda de 1,75 pontos. 

Os contratos do milho norte-americano seguem influenciados por duas forças distintas pressionando para cima e para baixo neste momento. 

Segundo informações da Agência Reuters, os principais desafios permanecem nas exportações da região do Mar Negro, mesmo quando os grãos ucranianos começam a sair dos portos marítimos pela primeira vez desde fevereiro. 

“Três navios que transportam um total de 58.041 toneladas de milho foram autorizados a deixar os portos ucranianos na sexta-feira como parte de um acordo para desbloquear as exportações de grãos, disse a organização que organizou a operação na quinta-feira", destaca Naveen Thukral da Reuters Cingapura. 

Por outro lado, preocupações com o clima seco em partes do centro-oeste dos Estados Unidos apoiaram o milho e a soja. O serviço meteorológico Maxar, em um relatório na quinta-feira, disse que sua previsão de 6 a 10 dias indicava um clima mais seco no centro e nordeste do centro-oeste, embora as chuvas no Delta e no sudeste do centro-oeste devam melhorar a umidade das culturas de milho e soja. 

Relembre como fechou o mercado na última quinta-feira:

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário