INTERNACIONAL: Depois de duas semanas de queda, milho trabalha com vencimentos futuros em alta

Publicado em 18/05/2010 10:59 398 exibições
Os preços a futuro do milho trabalharam em alta na madrugada desta terça-feira em Chicago. O avanço veio depois de duas semanas de queda e atraiu investidores e importadores.

As cotações futuras do cereal vinham caindo frente ao cenário da crise econômica que vem atingindo a Europa, principalmente a Grécia. A crise poderia retardar a recuperação econômica global, prejudicando a demanda por alimentos, ração e combustível, incluindo o  etanol.

Segundo Jonathan Barratt, diretor da Commodity Broking Services, “como parte de uma movimentação técnica, o recuo dos preços atraiu os compradores a longo prazo”.

Um relatório divulgado na última segunda-feira (17) pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) mostrou queforam inspecionadas cerca de 977 mil toneladas de milho para exportação nos portos dos Estados Unidos na semana encerrada em 13 de maio. O volume é 0,6% maior em relação à semana anterior e 23% a mais que em 2009. 

O boletim mostrou também que mais de 215 mil toneladas de soja passaram por inspeções para serem exportadas, volume 29% superior ao da semana passada. 

Coréia do Sul

A Korea Feed Association, o maior grupo comprador de grãos da Coréia do Sul, divulgou uma licitação para a compra de 55.000 toneladas de milho para entrega em setembro, 55.000 toneladas de farelo de soja para dezembro e a mesma quantidade de trigo para setembro.

Com informações da Bloomberg

Tags:
Fonte:
Redação NA

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário