Ajuste econômico também reflete no milho e preços fecham a sexta-feira em baixa na CBOT

Publicado em 22/11/2010 06:45 348 exibições
Assim como a soja, o milho recuou na sexta-feira na bolsa de Chicago com a influência da decisão da China de implementar políticas de contenção da demanda e da inflação. Os papéis para março encerraram o pregão de sexta valendo US$ 5,3475 o bushel, queda de 21 centavos de dólar. De acordo com analistas ouvidos pela Bloomberg, há temor de que após o aumento das reservas, a China elevará as taxas de juros. Isso tem encorajado as vendas dos futuros de commodities. "O mercado queria sair de suas posições antes do fim de semana", disse Shawn McCambridge, analista sênior de grãos da Prudential Bache Commodities LLC, de Chicago. No mercado interno, a saca de 60 quilos do grão no Paraná fechou em alta de 0,64% na sexta-feira a R$ 20,29, segundo Seab/Deral.
Tags:
Fonte:
Valor Econômico

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário