Cultivo de milho limita área de soja no Brasil, diz Oil World

Publicado em 23/08/2011 15:36 e atualizado em 23/08/2011 16:21 789 exibições
O cultivo de soja no Brasil em 2011/12 poderá ser menor que o esperado com produtores plantando mais milho para aproveitar os altos preços, disseram nesta terça-feira analistas da consultoria Oil World, com sede em Hamburgo.

O Brasil, segundo maior produtor global de soja depois dos EUA, deve colher 73,3 milhões de toneladas de soja no início de 2012, segundo as estimativas da Oil World. Um volume menor que as 73,5 milhões de toneladas projetadas pela consultoria em 2 de agosto e abaixo do recorde de 75,04 milhões de toneladas de 2010/11.

"Um aumento considerável no plantio de milho (no Brasil) de 4% a 5% vai limitar a expansão de soja para a safra colhida no início de 2012", apontou a Oil World. Os preços do milho subiram cerca de 14% até o momento neste ano, por causa dos temores quanto à safra americana.

Os produtores brasileiros cultivarão 24,7 milhões de hectares com soja em 11/12, projetou a Oil World. Mas as produtividades dificilmente atingirão os níveis recordes do última temporada.

Argentina
Os produtores da Argentina, o terceiro maior produtor mundial de soja, deve plantar mais milho e outros cereais, o que também pode limitar o crescimento da oleaginosa, afirmou a consultoria.

Mas ainda assim, o plantio da soja vai subir para 19,3 milhões de hectares, ante 18,8 milhões de hectares na temporada anterior, disse. A Oil World disse que manteve sua estimativa prévia para a safra da Argentina em 53 milhões de toneladas de soja no início de 2012, acima das 49,2 milhões de toneladas do início de 2011.

Tags:
Fonte:
Reuters

0 comentário