O preço do milho e a perda do poder aquisitivo do produtor de frangos

Publicado em 15/09/2011 08:33 408 exibições
A situação, hoje, é bem melhor que a enfrentada em junho passado, quando se atingiu o “fundo do poço”. Mesmo assim, em onze dos últimos doze meses (ou desde novembro de 2010) o poder de compra do milho para o produtor de frangos foi inferior ao do mesmo mês do ano anterior.

Uma retrospectiva do que ocorreu nos últimos 24 meses mostra que o melhor momento do avicultor para a compra do milho ocorreu em fevereiro de 2010, ocasião em que cerca de 90 sacas de milho eram adquiridas com a venda de uma tonelada de frango vivo. Em oposição, o pior momento foi registrado 16 meses depois (junho de 2011), quando o mesmo volume de aves vivas adquiriu não mais que 57% do volume de milho anterior – mais exatamente, 51,6 sacas. Nesse ínterim, os preços do frango e do milho apresentavam desempenho opostos: o do milho aumentou 73%; o do frango vivo recuou quase 1%.

O desempenho antagônico se repete no momento: enquanto o preço do frango permanece inferior ao de agosto, o do milho segue crescente. E deve seguir assim, pois, afinal, estamos na entressafra do grão.

Em decorrência, ainda que os preços do frango vivo permaneçam estáveis, a capacidade aquisitiva de seu produtor continuará sendo corroída.

Tags:
Fonte:
Avisite

1 comentário

  • emerson nazare de almeida Londrina - PR

    Eventos com essa correlaçao ajudam a sustentar as cotações dos contratos do milhos na bm&f.

    0