Alta da Selic é pé no freio da economia, diz Guedes

Publicado em 18/03/2022 13:56

Logotipo Reuters

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira que a alta da taxa básica de juros pelo Banco Central desacelera a economia, como se o país estivesse com um pé no freio, ponderando que há componentes estruturais para o crescimento do Brasil.

Em seminário em Fortaleza sobre a economia brasileira, Guedes disse que a elevação da Selic gera um vetor negativo sobre a atividade. Para ele, se a previsão do alta do Produto Interno Bruto (PIB) em 2022 está agora em 1,5% é porque o país poderia estar crescendo 4% se não houvesse esse fator.

“A gente reconhece que isso desacelera, mas mesmo críticos reconhecem que tem um componente estrutural para crescimento do Brasil”, disse, minutos após afirmar que não poderia fazer comentários sobre a política monetária adotada pelo BC independente.

O ministro voltou a dizer que o BC brasileiro agiu mais rápido do que outros países ao promover o aperto monetário e, por isso, a inflação no país estará baixando quando os índices de outras regiões do mundo ainda estiverem subindo.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário