Publicidade

Questão Indígena: Famato manifesta seu apoio aos produtores do MT com desocupação da Suiá-Missu

Publicado em 11/12/2012 10:00 e atualizado em 11/12/2012 11:31 785 exibições
O Sistema Famato manifesta tristeza e profundo pesar com o início do processo de desintrusão na Gleba Suiá-Missú.

A  retirada das famílias começou efetivamente nesta segunda-feira (10.12) e da forma como foi prometida pelos moradores daquela região, com resistência às ações dos policiais da Força Nacional e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

É lamentável testemunhar o desespero destas pessoas que estão sendo arrancadas de sua história e do seu chão. Ainda que todos os indícios antecipavam este triste desfecho, alimentávamos a esperança de outro fim.

A Famato manifesta sua solidariedade às famílias atingidas, embora saiba que isso em nada alivia este sofrimento.
Fonte:
Famato

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

2 comentários

  • sidinei visintin Caseiros - RS

    eu tambem me solidarizo com os produtores do nordeste do mato grosso pois conheço uma area onde os produtores foram retirados e as terras entregues aos indigenas no municipio de muliterno RS a alguns anos, hoje lá os índios vivem na miséria e as teras estao arendadas para gente de fora.

    0
  • José Roberto de Menezes Londrina - PR

    A agricultura brasileira clama por uma organização para defender os agricultores. Os adjetivos da CNA para justificar as atrocidades estão piores que os eu não sabia do PT. De serras do sol e mensalões, cada dia uma nova decepção e um grupo de agricultores crucificados. Os alimentos estão baratos e sobrando. O “calor do frio” deve aumentar a frequência dos períodos de La nina, com redução das chuvas, aumento da evaporação e diminuição da oferta de alimentos.

    0