Publicidade

Bolsa afunda mais de 4% em pregão marcado por saída de estrangeiros

Publicado em 02/07/2013 18:27 e atualizado em 02/07/2013 19:04 437 exibições
Ações das empresas de Eike Batista, além de Vale e Petrobras, foram alvos de venda maciça de investidores

A BM&FBovespa enfrentou um dia de fortes vendas de ativos nesta terça-feira, sobretudo de investidores estrangeiros preocupados com a conjuntura internacional e o desempenho do mercado doméstico brasileiro. O índice Ibovespa chegou a recuar mais de 5%, descolando-se completamente do comportamento das bolsas americanas, cujas perdas foram amenas. O indicador da bolsa brasileira fechou em queda de 4,24%, a 45.228 pontos.

A saída de investidores estrangeiros da bolsa vem se intensificando ao longo das últimas semanas. O saldo negativo de recursos externos na Bovespa totalizou 4,07 bilhões de reais em junho, o maior desde os 4,17 bilhões de reais de setembro de 2012, em meio a um cenário global de maior aversão a risco e deterioração das expectativas em relação à economia doméstica. 

Confira a notícia na íntegra no site da Veja.

 

Publicidade

Agência de risco corta nota da OGX para nível "pré-calote"

No Terra

A agência de classificação de risco Standard & Poor's cortou nesta terça-feira o rating de crédito da petroleira OGX, do empresário Eike Batista, de "B-" para "CCC", num nível próximo ao de empresas em situação de default (não pagamento). A perspectiva para a nota é negativa.

Confira a notícia na íntegra no site do Terra

Fonte:
veja.com.br

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário