Projeto da Argentina tenta garantir pagamento a credores da dívida

Publicado em 20/08/2014 15:25 172 exibições

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, anunciou nesta terça-feira (19) que enviou ao Parlamento um projeto de lei que estabelece mecanismos para tentar garantir que os credores da dívida reestruturada possam receber sem que sejam afetados pelo litígio com os fundos especulativos, chamados de 'abutres'.

Em mensagem divulgada em rede nacional, Cristina disse que o projeto declara como "interesse público" as reestruturações da dívida de 2005 e 2010, assim como o pagamento dos compromissos derivados dessas operações. A iniciativa permite que o Executivo emita "instrumentos legais que permitam o pagamento" de todos os credores dos títulos reestruturados.

Leia a notícia na íntegra no site do G1.

No Valor: Não há default na Argentina, sustenta ministro da Economia

O ministro da Economia da Argentina, Axel Kicillof, disse nesta quarta-feira que o projeto de lei apresentado na terça-feira pela presidente Cristina Kirchner visa apenas mudar o local do pagamento da dívida externa para a Argentina. “Não se trata de uma mudança de jurisdição”, destacou. Segundo ele, o governo espera sancionar a lei antes de 30 de setembro, quando vence uma nova parcela da dívida.

© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico. 

Leia a notícia na íntegra no site do Valor Econômico.

Fonte:
G1 + Valor Econômico

0 comentário