Ato contra reforma da Previdência ocupa entrada de ministério

Publicado em 05/09/2016 08:34
149 exibições

Manifestantes ligados a movimentos camponeses ocuparam nesta segunda-feira (5) a entrada do Ministério do Planejamento em Brasília, em um protesto contra a reforma da Previdência. Eles defendem que o governo mantenha a possibilidade de trabalhadores do campo poderem se aposentar sem precisar contribuir com a Previdência por 30 anos (mulheres) e 35 anos (homens) – o que é exigido a trabalhadores urbanos. A reforma da Previdência prevê a extinção deste direito.

De acordo com a Polícia Militar, os manifestantes quebraram a porta de vidro do ministério. Não houve confronto. Eles também protestaram, entre outras pautas, pelo assentamento imediato de famílias acampadas pelo país e a volta do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), que foi extinto pelo presidente Michel Temer quando assumiu o governo interinamente.

Leia a notícia na íntegra no site do G1

Fonte G1

Nenhum comentário