Petróleo encerra rali de 10 dias após Rússia rejeitar aprofundar cortes

Publicado em 05/07/2017 18:13 116 exibições

Investing.com - O petróleo fechou em baixa nesta quarta-feira com os investidores questionando a Opep e seus aliados sobre os esforços para reequilibrar o mercado, após a Rússia anunciar que não apoiaria aumentar o volume de cortes de produção.

Em Nova York, o futuro para entrega em agosto cedeu 4,1% para fechar a US$ 45,13 o barril, enquanto o Brent, em Londres, perdeu 3,6% e encerrou o dia a US$ 47,84 o barril.

As esperanças dos investidores para cortes ainda maiores acabaram após a Bloomberg publicar que a Rússia não quer mudar o acordo atual, pois mais cortes daria uma mensagem errada ao mercado, de acordo com representantes do governo.

Em maio, a Opep e grandes exportadores fecharam acordo para estender até março de 2018 o pacto de retirar do mercado 1,8 milhão de barris/dia firmado em novembro do ano passado.

A Reuters aumentou o pessimismo ao publicar um relatório mostrando uma alta das exportações da Opep em junho para 25,92 milhões de barris/dia, alta de 450 mil barris/dia sobre maio e de 1,9 milhão de barris/dia na comparação anual.

Confira a notícia na íntegra no site da Investing.com

Fonte:
Investing.com

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário