Com mais de 55% dos votos, Jair Bolsonaro é eleito novo presidente do Brasil

Publicado em 28/10/2018 20:01 e atualizado em 30/10/2018 08:33
2114 exibições
VOTOS TOTAIS: 57 MILHÕES 782 MIL E 731 VOTOS (55,1% DOS VOTOS VÁLIDOS)

LOGO nalogo

Em discurso da vitória, Bolsonaro diz que seu governo defenderá a Constituição e a democracia

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) disse em seu discurso de vitória da eleição neste domingo que não existem brasileiros do Sul ou do Norte e que seu governo defenderá a Constituição, a democracia e a liberdade.

Bolsonaro afirmou que fará um governo decente, que trabalhará para todos os brasileiros.

O ANTAGONISTA: LEIA A ÍNTEGRA DO DISCURSO DE JAIR BOLSONARO

O Antagonista obteve a versão original, com rasuras, do “discurso da vitória” de Jair Bolsonaro.

No texto, escrito por Onyx Lorenzoni e revisado por Bolsonaro, o presidente eleito fala em “desamarrar” a economia do Brasil e “libertar” o país das relações exteriores pautadas por ideologia.

Leia a transcrição abaixo e o arquivo original AQUI.

“Conhecereis a verdade e a verdade os libertará. Nunca estive sozinho, sempre senti a presença de Deus e a força do povo brasileiro, orações de homens, mulheres, crianças, famílias inteiras, que diante da ameaça de seguirmos por um caminho que não é o que os brasileiros desejam e merecem, colocaram o Brasil acima de tudo. Faço de vocês minhas testemunhas de que esse governo será um defensor da Constituição, da democracia e da liberdade. Isso é uma promessa não de um partido não é a palavra de homem, é um juramento a Deus. A verdade vai liberar esse grande país e vai nos transformar em uma grande nação. A verdade foi o farol que nos guiou até aqui e vai seguir iluminando nosso caminho.

O que ocorreu hoje nas urnas não foi a vitória de um partido, mas a celebração de um país pela liberdade. O compromisso que assumimos com os brasileiros foi de fazer um governo decente, comprometido exclusivamente com o país e o nosso povo e eu garanto que assim o será. Nosso governo será formado por pessoas que tenham o mesmo propósito de cada um que me ouve nesse momento, o propósito de transformar o Brasil em uma grande, livre e próspera nação. Podem ter certeza de que nós trabalharemos dia e noite para isso. Liberdade é um princípio fundamental. Liberdade de ir e vir, andar nas ruas em todos os lugares desse país, liberdade de empreender, liberdade política e religiosa, liberdade de fazer, formar e ter opinião, liberdade de escolhas e ser respeitado por elas. Esse é um país de todos nós, brasileiros natos ou de coração. Um Brasil de diversas opiniões, cores e orientações.

Como defensor da liberdade, vou guiar um governo que defenda, proteja os direitos do cidadão que cumpre seus deveres e respeita as leis. Elas são para todos, assim será o nosso governo constitucional e democrático: acredito na capacidade do povo brasileiro que trabalha de forma honesta, de que podemos juntos, governo e sociedade, construir um futuro melhor. Esse futuro de que falo e acredito passa por um governo que crie condições para que todos cresçam. Isso significa que o governo dará um passo atrás, reduzindo sua estrutura e a burocracia, cortando desperdícios e privilégios para que as pessoas possam dar muitos passos à frente. Nosso governo vai quebrar paradigmas, vamos confiar nas pessoas, vamos desburocratizar, simplificar, desburocratizar e permitir que o cidadão, o empreendedor, tenha menos dificuldades para criar e construir o seu futuro. Vamos desamarrar o Brasil. Outro paradigma que vamos quebrar: o governo respeitará de verdade a federação, as pessoas vivem nos municípios, portanto os recursos irão para os estados e municípios. colocaremos de pé a federação brasileira. Nesse sentido, repetimos que precisamos de mais Brasil e menos Brasília. Muito do que estamos fundando no presente trará conquistas no futuro. As sementes serão lançadas e regadas para que a prosperidade seja o desígnio dos brasileiros do presente e do futuro.

Esse não será um governo de resposta apenas às necessidades imediatas, as reformas que nos propomos são para criar um novo futuro para os brasileiros. E quando digo isso falo com uma mão voltada ao seringueiro no coração da selva amazônica e a outra para o empreendedor suando para criar e desenvolver sua empresa. Porque não existem brasileiros do sul e do norte, somos todos um só país, uma só nação, uma nação democrática.

O Estado democrático de direito tem como um dos seus pilares o direito à propriedade. Reafirmamos aqui o respeito e a defesa desse princípio constitucional e fundador das principais nações democráticas do mundo. Emprego, renda e equilíbrio fiscal é o nosso compromisso para ficarmos mais próximos de oportunidades e trabalho para todos. Quebraremos o ciclo vicioso do crescimento da dívida, substituindo-o pelo ciclo virtuoso de menores déficits, dívida decrescente e juros mais baixos. Isso estimulará os investimentos, o crescimento e a consequente geração de empregos. O déficit público primário precisa ser eliminado o mais rápido possível e convertido em superávit, esse é o nosso propósito.

Aos jovens, palavra do fundo do meu coração: vocês têm vivido um período de incerteza e estagnação econômica, vocês foram e estão sendo testados a provar sua capacidade de resistir. Prometo que isso vai mudar, essa é a nossa missão. Governaremos com os olhos nas futuras gerações e não na próxima eleição.

Libertaremos o Brasil e o Itamaraty das relações internacionais com viés ideológico a que fomos submetidos nos últimos anos. O Brasil deixará de estar apartado das nações mais desenvolvidas, buscaremos relações bilaterais com países que possam agregar valor econômico e tecnológico aos produtos brasileiros. Recuperaremos o respeito internacional pelo nosso amado Brasil. Durante a nossa caminhada de quatro anos pelo Brasil, uma frase se repetiu muitas vezes: ‘Bolsonaro, você é a nossa esperança’. Cada abraço, cada aperto de mão, cada palavra ou manifestação de estímulo que recebemos nessa caminhada fortaleceram o nosso propósito de colocar o Brasil no lugar que merece. Nesse projeto que construímos cabem todos aqueles que têm o mesmo objetivo que o nosso. Mesmo no momento mais difícil dessa caminhada, quando, por obra de Deus e da equipe médica de Juiz de Fora e do Albert Einstein, ganhei uma nossa certidão de nascimento, não perdemos a convicção de que juntos poderíamos chegar à vitória. É com essa mesma convicção que afirmo: ofereceremos a vocês um governo decente, que trabalhará verdadeiramente por todos os brasileiros. Somos um grande país e agora vamos, juntos, transformar esse país em uma grande nação, uma nação livre, democrática e próspera. Brasil acima de tudo e Deus acima de todos.”

.
Apoio a BOlsonaro após vitória no Rio de Janeiro 28/10/2018 REUTERS/Pilar Olivares

Após ser eleito, Bolsonaro promete governo que mudará destino do Brasil

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente eleito Jair Bolsonaro disse neste domingo, logo depois de vencer o segundo turno da eleição presidencial, que fará um governo que mudará os destinos do Brasil e pediu a Deus coragem para decidir o futuro do país.

Em transmissão ao vivo pelas redes sociais depois de vencer o petista Fernando Haddad, Bolsonaro também disse que o país não pode continuar a flertar com o comunismo e garantiu que todos os compromissos que assumiu durante a campanha serão cumpridos.

Jair Bolsonaro, do PSL, foi eleito o novo presidente do Brasil neste 28 de outubro de 2018. Bolsonaro venceu a disputa com mais de 55% dos votos, contra pouco mais de 44,3% de Fernando Haddad. A diferença foi de quase 11 milhões de votos entre os dois candidatos.

 

​O Antagonista

JAIR BOLSONARO É O NOVO PRESIDENTE DO BRASIL

Jair Bolsonaro é o novo presidente do Brasil.

Depois do impeachment de Dilma Rousseff, do encarceramento de Lula e do fim do PSDB, os eleitores decidiram dar uma guinada histórica.

“Nós, juntos, cumpriremos a missão de resgatar o Brasil”

Em seu primeiro pronunciamento como presidente eleito, Jair Bolsonaro agradeceu o apoio dos eleitores, repisou suas bandeiras de campanha e disse que “missão não se escolhe, nem se discute”.

“Nós, juntos, cumpriremos a missão de resgatar o Brasil.”

O discurso foi feito de improviso e transmitido ao vivo por meio de seu canal no Youtube, como fez durante todo o segundo turno – impossibilitado de sair de casa, desde o atentado.

Temer parabeniza Bolsonaro

Michel Temer foi ao Twitter avisar que ligou para Jair Bolsonaro para parabenizá-lo pela vitória na eleição presidencial.

“Acabei de parabenizar o presidente eleito @jairbolsonaro pela vitória histórica conquistada hoje. Terminada a eleição, é hora de todos, unidos, continuarmos a trabalhar pelo Brasil”, escreveu o atual mandatário.

REPERCUSSÃO-Políticos e entidades analisam vitória de Jair Bolsonaro

BRASÍLIA (Reuters) - Jair Bolsonaro (PSL) foi eleito presidente da República neste domingo, derrotando Fernando Haddad (PT) no segundo turno da eleição presidencial com 55 por cento dos votos válidos.

Confira, a seguir, as avaliações de políticos, cientistas políticos, além de posicionamentos de partidos e organizações:

PSL, partido de Bolsonaro

"Obrigado, Brasil! A vocês, eleitores, o nosso muito obrigado por todo o apoio, dedicação e, principalmente, pela confiança! Um novo Brasil está nascendo, sem divisões, mais justo, sem corrupção. Um Brasil mais feliz! A mudança está só começando e vocês fazem parte dela!"

GLEISI HOFFMANN, presidente nacional do PT

"Nesta noite de 28 de outubro nossa primeira palavra para o povo brasileiro é: resistiremos. Resistiremos em defesa dos direitos, das liberdades da soberania! Um processo eleitoral construído em cima de impedimentos, mentiras, distorções, caixa dois vai nos impulsionar a lutar mais."

KÁTIA ABREU, VICE DE CIRO GOMES (PDT) NO 1o TURNO

"PT deve soltar foguete, minha gente. Elegeram Bolsonaro. Bolsonaro candidato dos petistas. Você escolheram o candidato que chamam de fascista. Sabiam desde agosto que não ganhavam do capitão. 11 milhões de votos de frente. Não adianta xingar nem chorar. Tiveram o que mereceram. O Brasil sinalizou várias vezes que não queria o PT no governo. Insistiram por pura soberba. As pessoas só servem pra vcs quando os apoia. Se não, vcs destilam odio. Vão dormir com esta."

SIMONE TEBET (MDB-MS), líder do MDB no Senado

"Parabenizo o novo Presidente, sr. Jair Bolsonaro. É preciso respeitar o resultado das urnas, porque o povo ali depositou a sua legítima vontade, sob o manto da Constituição e da Democracia. Agora, é tempo de construirmos, juntos, ações efetivas para pacificar as ruas. Respeitar e valorizar a nossa diversidade, porque ela sempre foi a nossa maior riqueza."

HUMBERTO COSTA (PT), senador

"Seremos a resistência contra todos os retrocessos de Jair Bolsonaro. Tivemos uma grande vitória política!!! O PT está de pé apesar de todo o ataque que sofreu nesses anos. Haddad foi um gigante e emerge como um dos maiores líderes da esquerda nesse momento!"

GERALDO TADEU MONTEIRO, cientista político e coordenador do Centro Brasileiro de Estudos e Pesquisa sobre a democracia (Cebradi)

"Para além da pacificação do país, onde devem prevalecer de agora em diante o discurso de um líder de nação e não de um candidato, o presidente Bolsonaro enfrenta o desafio de gerenciar uma coalizão de governo em um Congresso bastante modificado"

"Os partidos grandes perderam espaço e partidos pequenos ou médios estão agora mais representados. Essa correlação de forças em um governo que prometeu acabar com o troca-troca entre Executivo e Legislativo é seu maior desafio."

ANTONIO MEGALE, presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea)

"O mais importante nestas eleições foi o nítido fortalecimento da democracia e o respeito à opinião das urnas. Desejamos um governo voltado para as soluções urgentes do País. Que construa e execute uma agenda de desenvolvimento sustentável, fortaleça a indústria, faça o ajuste das contas públicas e a retomada do crescimento da economia. E, mais do que nunca, preocupe-se com a geração de empregos, a educação, a segurança e o bem estar da população."

CLAUDIO LAMACHIA, presidente nacional da OAB

"A Ordem dos Advogados do Brasil parabeniza o presidente da República eleito, Jair Bolsonaro, e deseja que o mandato seja bem-sucedido e em prol de todos os brasileiros. O respeito à vontade do eleitor, manifestada livremente nas urnas, é pressuposto do próprio Estado Democrático de Direito."

"Governo e oposição devem cumprir suas funções, dentro dos limites da lei e zelando pelo respeito às instituições e à Constituição. O debate eleitoral deve ser encerrado hoje e, daqui em diante, tomar lugar a discussão sobre o Brasil."

MDB

"Acabamos de sair da eleição presidencial mais dividida da história do País, com manifestações de ódio e intolerância. Passada a disputa, o MDB defende a responsabilidade e a discussão democrática dos rumos que devem conduzir o País. Os poderes da República precisam ser respeitados e trabalhar em harmonia e independência. O MDB estará vigilante em defesa da democracia."

NILO D'ÁVILA, diretor de Campanhas do Greenpeace Brasil

"O novo presidente da República precisa agir à altura da importância global do Brasil para a preservação do meio ambiente."

"Reduzir o combate ao desmatamento faz com que o Brasil perca competitividade econômica, o que pode inclusive afetar a geração de empregos. Mercados internacionais e consumidores querem garantias de que o nosso produto agrícola não esteja manchado com a destruição florestal."

OBSERVATÓRIO DO CLIMA

"O Observatório do Clima trabalhará para que o novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, faça o oposto do que prometeu...O retrocesso civilizatório anunciado e reafirmado por Bolsonaro e vários de seus auxiliares não pode se tornar política de Estado."

"Na área ambiental, lutaremos para que as instâncias de governança sejam fortalecidas, em especial o Ministério do Meio Ambiente e seus órgãos vinculados, bem como para que seja ampliada a política de áreas protegidas, que inclui a criação de unidades de conservação e a demarcação e homologação de terras indígenas."

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Bolsonaro vence no Sudeste e no Centro-Oeste

Com 88% das urnas apuradas em todo o país, Jair Bolsonaro lidera em todos estados do Centro-Oeste e do Sudeste.

Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • EDMILSON JOSE ZABOTT PALOTINA - PR

    Parabéns aos brasileiros, que contribuiram para a vitória de Bolsonaro.
    Está vitória significa poder sonhar com um futuro melhor para os nossos filhos e, principalmente, poder voltar a ser e ter o " Direito à Propriedade " e segurança Jurídica...
    Que Bolsonaro e sua equipe tenham a proteção de Deus, para que todos os Brasileiros e Brasileiras possam viver um país livre.

    1
    • DALZIR VITORIAUBERLÂNDIA - MG

      Bom dia Edmilson...parabéns pela vitoria do borsanada..torço para que faça o prometido...embora não acredito pois seu passado é de não fazer...não realizar.. Por outro lado gostaria que cumprisse sua palavra...borsanada ganhasse eleição você anunciaria a data de inicio do abate de 15 mil suínos dia da frimesa...dia..mês e ano...

      27
    • EDMILSON JOSE ZABOTTPALOTINA - PR

      Dalzir , deixe de ser ignorante , se você não tem viu ainda , já postei as fotos do início das obras . Obras de grande porte tem um cronograma e será seguido . Vou postando neste espaço as fotos conforme a obra segue . A data de início da operação deverá ser definida após Janeiro de 2019. Fique tranquilo , você não será convidado ....

      0
    • EDMILSON JOSE ZABOTTPALOTINA - PR

      Dalzir, agora você mude o "disco" ou você não tem mais argumentos ou assunto? .. Logo você todo inteligente é conhecedor .... Venha com outra história...

      0
    • LAURICIO RIBEIRO DE MORAESRIO VERDE - GO

      Impressionante como as pessoas SÃO DO CONTRA. Vamos dar mais um voto de confiança ao Bolsonaro, o primeiro já foi dado!!! Ele não tem um cheque em branco e terá grandes desafios na pacificação do País. Na agricultura que é o nosso mundo, basta ELES NÃO ATRAPALHAREM. O BRASIL se ficar na mãos de pessoas minimamente decentes, sem corrupção, tem tudo para se tornar uma economia pujante. BRASIL ACIMA DE TODOS. EU ACREDITO NO BRASIL !!!!!

      0
    • ELIAS ARAUJO ROCHA FILHOIPORÁ - GO

      Sr. Dalzir Derrota (vulgo Dalzir Vitória): por favor, nenê, aceita que dói menos, tá?

      0
    • DALZIR VITORIAUBERLÂNDIA - MG

      Senhores... Tem um ditado que aprendi e de vez enquanto ainda ouço... vassoura nova varre bem... não perdi nada... votei no menos ruim... não sou marionete de ninguém... outra coisa, aguardemos a posse e os resultados... resultados..

      2