Ações da China e iuan recuam após postura mais dura do Fed contra inflação

Publicado em 27/01/2022 08:13 13 exibições

Logotipo Reuters

As ações chinesas despencaram para mínimas em quase 16 meses e o iuan teve a maior queda em sete meses contra o dólar nesta quinta-feira, com os investidores globais preocupados que o Federal Reserve vá agir mais agressivamente para conter a inflação.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 1,96%, para o menor nível desde 30 de setembro de 2020. O índice de Xangai teve queda de 1,78%.

O Índice CSI Smallcap 500 e o ChiNext tiveram perdas respectivamente de 2,6% e 3,6%.

Mais de 94% das ações listadas nos mercados de ações A da China caíram, segundo dados do fornecedor de serviços de informação financeira Wind.

O recuou acompanhou o movimento global depois que o chair do banco central norte-americano, Jerome Powell, alertou que a inflação permanece acima da meta de longo prazo do Fed e que as questões da cadeia de oferta podem ser mais persistentes do que imaginado antes.

Os mercados chineses ficarão fechados para o feriado do Ano Novo Lunar, que dura uma semana e começa em 31 de janeiro.

A moeda chinesa também se enfraqueceu com força, registrando a maior perda diária contra o dólar desde 17 de junho de 2021, com os rendimentos mais altos dos títulos dos EUA impulsionando a moeda norte-americana.

O iuan caiu 0,7% contra o dólar no final da sessão doméstica, depois que o banco central determinou uma taxa média bem mais fraca de 6,3382 iuanes por dólar, contra 6,3246 um dia antes.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 3,11%, a 26.170 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,99%, a 23.807 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,78%, a 3.394 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,96%, a 4.619 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 3,50%, a 2.614 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,15%, a 17.674 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,35%, a 3.260 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 1,77%, a 6.838 pontos.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário