Bolsas da Ásia recuam e seguem para pior trimestre desde 2008

Publicado em 29/06/2010 10:28 119 exibições

As principais Bolsas de Valores da Ásia fecharam em forte queda nesta terça-feira e caminham para marcar o pior desempenho trimestral desde o fim de 2008, com recuperação morna nos países ricos mantendo os investidores na defensiva.

Às 8h04 (horário de Brasília) o índice MSCI que acompanha as Bolsas da região da Ásia-Pacífico, exceto Japão, tinha queda de 2,33%, para 385 pontos. No trimestre, o índice acumula perdas de 8%, caminhando para seu pior período desde o final de 2008, após o colapso do Lehman Brothers.

Na China, a Bolsa de Xangai caiu 4,27%, para 2.427 pontos, pior nível em 14 meses, com os investidores começando a tirar recursos do mercado para se prepararem para a grande oferta pública inicial de ações do Agricultural Bank of China. "O mercado ainda enfrenta pressões financeiras e estamos ainda preocupados com a economia doméstica", disse Zheng Weigang, analista na Shanghai Securities.

O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio fechou em baixa de 1,27%, pior patamar em três semanas, aos 9.570 pontos. No segundo trimestre, o Nikkei acumula perdas de 14%.

As Bolsas mundiais tiveram uma forte recuperação em 2009, mas os investidores agora se mostram preocupados com a incerteza econômica à medida em que governos -- muitos enfrentando pesados deficits -- começam a retirar os estímulos que apoiaram a recuperação do ano passado.

Operadores na Ásia disseram que os investidores estão evitando moedas atreladas ao crescimento e o euro por conta dos problemas com a crise de dívida da Europa.

Bancos da zona do euro precisam pagar 442 bilhões de euros para o Banco Central Europeu na quinta-feira, deixando um deficit de liquidez potencial no sistema financeiro de mais de 100 bilhões de euros.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng fechou em baixa de 2,31%, para 20.248 pontos. Taiwan perdeu 1,03%, em 7.423 pontos. Em Seul, a Bolsa fechou com recuo de 1,4%, a 1.707 pontos.

A Bolsa de Sydney encerrou com desvalorização de 0,89%, para 4.345 pontos.  Em Cingapura, a Bolsa perdeu 1,38%, para 2.830 pontos.

 

Fonte:
Reuters, Cingapura

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário