Índice de preços de alimentos da FAO atinge nova alta recorde

Publicado em 03/02/2011 10:54 498 exibições
A FAO - braço da ONU para agricultura e alimentação - revisou para cima seu índice mensal de preços dos alimentos para o recorde de alta em 231 pontos em janeiro. A alta se deu por conta dos altos preços dos cereais, do açúcar e dos óleos vegetais.  

O indicador subiu pelo sétimo mês consecutivo e apresenta um aumento de 3,4% em relação a dezembro.

O índice dos preços dos cereais teve alta de 3% chegando ao 245 pontos, a mais alto patamar em 30 meses. No entanto, o número ainda é 11% menor do que o pico histórico de abril de 2008.

Abdolreza Abbassian, secretário do departamento de grãos da FAO, disse que os altos preços dos alimentos são muito preocupantes, especialmente para países de baixa renda e que podem enfrentar problemas para financiar a importações.

Ainda segundo o secretário, os preços extremamente voláteis e altos devem persistir pelo menos durante a primeira metade do ano por conta do tamanho e das condições das safras no hemisfério norte, as quais devem durar somente até o período de julho a setembro.

Nos últimos oito meses, as adversas condições climáticas - sendo muito secas ou muito úmidas - atingiram produtores  de alimentos ao redor do mundo, o que contribuiu para um avanço dos preços nos  mercados internacionais.  

Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário