Dados da China e inflação nos EUA fazem agenda da semana

Publicado em 09/05/2011 08:52 228 exibições
Os dados externos são destaque na agenda da segunda semana de maio. Os investidores conhecem uma série de indicadores de inflação nos Estados Unidos e recebem, da China, as vendas no varejo, produção industrial, preços ao consumidor e balança comercial.

Por aqui, o ponto alto são os dados sobre o comércio varejista em março. Também saem o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) e o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) de abril.

Nesta segunda-feira, além dos tradicionais Boletim Focus, balança comercial semanal e Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S), os agentes conhecem o IGP-DI do mês passado, que deve mostrar alta ao redor de 0,6%, avançando de 0,45%.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga os Indicadores Industriais de março, com a evolução do faturamento, das horas trabalhadas, do emprego, do rendimento médio e do nível de utilização da capacidade instalada.

Amanhã, atenção ao índice de preços de importação dos Estados Unidos. À noite, está prevista a bateria de dados sobre a economia chinesa. Na quarta-feira, além da reação aos números da China, os agentes locais conhecem o IGP-M de abril.

Na quinta-feira, merecem atenção as vendas no varejo no Brasil e nos EUA. Também nos EUA, sai o índice de preços ao produtor.

A semana acaba com a inflação e a confiança do consumidor americano e  com o Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro no primeiro trimestre.

No campo corporativo, mas de 60 empresas brasileiras apresentam resultados, entre elas OGX Petróleo, Itaúsa, JBS, BM&FBovespa, Banco do Brasil, Vivo, Petrobras e TAM.

Na agenda externa, estão previstos os números da ArcelorMittal, Allianz e ThyssenKrupp.

Fonte:
Valor Online

0 comentário