China diz que pressões inflacionárias seguem altas

Publicado em 29/08/2011 08:13 176 exibições
Os preços persistentemente altos das commodities globais e de outros bens estão pressionando a inflação na China e podem fazer o país descumprir a meta do ano, disse um dos principais planejadores econômicos locais nesta segunda-feira.

A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma disse que o motivo por trás do movimento das commodities é a política afrouxada dos países desenvolvidos.

"As condições de liquidez global não devem mudar no curto prazo e os preços de commodities ainda estão altos, então, o impacto da inflação importada não diminuiu", disse em comunicado.

O aumento de outros preços de insumos para empresas, como matérias-primas, e impacto de alguns desastres naturais também pesam.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário