Crise no euro é o grande risco global no momento

Publicado em 06/09/2011 10:04 296 exibições
A crise do euro reaparece como maior risco global do momento, a medida em que os problemas financeiros da Europa vem ganhando, a cada dia, proporção  mais grave. A chance de um calote mais profundo na Grécia e os temores de rebaixamento da nota de crédito da Itália renovaram a onda de instabilidade externa ontem.

Outra grande preocupação é com os bancos, que tiveram suas ações fortemente afetadas. A situação implica a ideia de um ambiente frágil frente ao fato de o volume dos depósitos no Banco Central Europeu ter atingido o pico, diante da falta de disposição para empréstimos.

Esta semana se iniciou com o clima semelhante à crise de 2008, com as perdas nas praças européias beirando os 5%. A agressividade da desvalorização esteve diretamente ligada ao feriado do Dia do Trabalho norte-americano.

Além disso, três principais agências de classificação de risco (Moody´s, S&P e Fitch) devem cortar a nota de crédito da Itália. O país está em processo de aprovação de um novo plano fiscal.

Nesta terça-feira, o mercado financeiro europeu tem recuperação de 1%. (às 6h15, de Brasília, Londres subia 1,4%; Paris, 1,2%; e Frankfurt, 1,3%). O ambiente, entretanto, segue bastante delicado.

Por:
Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário