FINANCEIRO: Mercado agora aguarda detalhes do pacote de medidas da UE

Publicado em 28/10/2011 07:38 e atualizado em 28/10/2011 09:08 284 exibições
O mercado financeiro global ainda está refletindo o anúncio do pacote de medidas de contenção da crise na Europa na madrugada desta quinta-feira. Ontem, as principais bolsas europeis fecharam o dia com a maior alta desde agosto e a Bovespa também encerrou em alta.

Nesta sexta-feira, as bolsas da Ásia também fecharam em alta impulsionadas pelo sentimento positivo que chegou ao mercado. Na Europa, no entanto, por volta das 8h40 (horário de Brasília) os índices já apresentavam um certo recuo depois dos expressivos avanços em um movimento de realização de lucros.

Os principais líderes europeus chegaram a um consenso sobre uma série de resoluções que, segundo analistas, são duradouras e devem atender, pelo menos parcialmente, controlar a expansão do problema.

Entre as principais medidas estão a redução da dívida da Grécia em 50% e ampliação do fundo de resgate europeu para 1 trilhão de euros. Além disso, as medidas tomadas para promover a recapitalização dos bancos também foram bem recebidas.

Porém, há ainda especialistas que já afirmam que "o diabo mora nos detalhes", como mostra uma notícia no site da Veja nesta sexta-feira. Por isso, o foco do mercado agora é a implementação de todas essas medidas anunciadas, para que se tornem factíveis.

Veja o comportamento do mercado após o anúncio das medidas e a repercussão do pacote em outros veículos de comunicação:

>> No Valor: Bolsas da Ásia fecham em alta com plano europeu e PIB dos EUA

As bolsas da Ásia fecharam em alta nesta sexta-feira, dando continuidade à reação positiva que se viu ontem ao anúncio do plano para conter a crise na zona do euro. Entre as medidas estão o corte à metade da dívida grega e a ampliação do fundo de ajuda da região.

Outra notícia que ajudou os mercados foi o crescimento anualizado de 2,5% do PIB americano no terceiro trimestre. Ainda que ligeiramente aquém das expectativas, o resultado representa forte aceleração em relação à expansão de 1,3% registrada no segundo.

>> Na Veja: Mercado precisa de detalhes para avaliar se plano europeu é bom ou ruim

Após seguidas reuniões a portas fechadas nesta quarta-feira em Bruxelas, e semanas de especulação, líderes dos 27 países da União Europeia chegaram a alguns pontos consensuais sobre como solucionar as deficiências econômicas da região. Os tópicos a serem trabalhados são o plano de recapitalização dos bancos; o perdão de parte da dívida da Grécia; o aumento do Fundo de Estabilidade Europeu; e a participação dos emergentes no socorro à região. Algumas medidas foram expostas, mas, ainda assim, sobraram pontos a serem definidos no futuro. De forma geral, dizem os especialistas, o "diabo mora nos detalhes". Não basta anunciar um plano genérico, mas sim apontar como se pretende torná-lo factível. Esta segunda etapa deverá demorar mais algumas semanas. Somente depois disso, o mercado concluirá se tanto suspense na Europa realmente valeu a pena.

Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário