Megaoperação policial acontece em Cacique Doble e Sananduva após índios atearem fogo em lavouras

Publicado em 23/11/2016 09:59
2370 exibições

No G1 RS: Ação é realizada em área de conflitos entre indígenas e agricultores no RS

Cerca de 140 policiais federais e militares realizam nesta quarta-feira (23) uma operação entre os municípios de Sananduva e Cacique Doble, na Região Norte do Rio Grande do Sul, com objetivo de cumprir dez mandados de prisão. Conforme investigação da Polícia Federal, uma organização criminosa foi formada para invadir lavouras e propriedades. Até as 10h, oito pessoas haviam sido presas.

Dos presos pela manhã, a polícia informou que são sete indígenas e um agricultor. As prisões ocorreram nas localidades de Nossa Senhora Consoladora, em Cacique Doble, e Bom Conselho, em Sanaduva.

No último dia 20 de novembro, a Brigada Militar registrou uma ocorrência na localidade de Bom Conselho. Cerca de 100 indígenas acampados na região atearam fogo nas lavouras de trigo e pastagens secas, conforme a polícia.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 RS

Megaoperação policial acontece em Cacique Doble e Sananduva após índios atearem fogo em lavouras

Uma megaoperação policial envolvendo a Brigada Militar, através do 3º BOE e a Polícia Federal foi desencadeada na manhã desta quarta-feira em  uma aldeia indígena no interior de Cacique Doble e também no interior de Sananduva.

Até o momento oito indivíduos foram presos, sendo sete indígenas e um agricultor.

A ação foi motivada após  200 indígenas atearem fogo em lavouras e intimidaram agricultores de Sananduva, no último final de semana, motivando o prefeito a decretar calamidade pública.

Leia a notícia na íntegra no site da Rádio Uirapuru e, a seguir, veja imagens, também da rádio, da operação:

Operação Policial em Sananduva e Cacique Doble/RS 1

Operação Policial em Sananduva e Cacique Doble/RS 2

Operação Policial em Sananduva e Cacique Doble/RS 3

Operação Policial em Sananduva e Cacique Doble/RS 4

Operação Policial em Sananduva e Cacique Doble/RS 5

Fonte:
Rádio Uirapuru

2 comentários

  • Marco Antonio Canello Bragança Paulista - SP

    Podem ser índios ou não. De qualquer modo foram pagos pelos partidos socialistas, liderados pelo PT para fazerem essa ação. Se forem índios, são índios criminosos... e se não forem índios, são simplesmente criminosos. De qualquer forma, a lei deve ser aplicada com rigor.

    4
  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR

    Existem modos elásticos, mas todos têm o seu limite.

    A sociedade brasileira, em 2013 foi às ruas, numa demonstração de repúdio ao estado de coisas em que se encontra o "Modus operandi" da governabilidade.

    O QUE MUDOU DE LÁ PARA CÁ ??

    Não me refiro as áreas econômica, saúde, educação, segurança, industrial, social & eteceteras, pois essas só PIORARAM & MUITO !!!

    Refiro-me ao modo de se governar, ALGUÉM NOTOU ALGUMA MUDANÇA ???

    Acho que essa casta de desqualificados, os políticos, estão brincando com fogo! Eles estão querendo "esticar" mais o quê? O tecido social está prestes a sofrer uma ruptura, pois o limite da elasticidade, no meu entendimento, já chegou e, com o colapso do "tecido social" vão se desencadear explosões sociais... Aí vamos adentrar num "MUNDO SEM LEIS" !!! ... ou seja... De uma única lei ... A LEI DO MAIS FORTE !!!

    1