Parlamentares europeus visitam MS para conhecer situação indígena

Publicado em 08/12/2016 06:52 172 exibições

Um grupo de parlamentares europeus e do Congresso brasileiro visitou Mato Grosso do Sul para conhecer a situação indígena do estado. Além de identificar possíveis violações de direitos humanos, os políticos devem apresentar propostas para diminuir conflitos, mortes e suicídios nas aldeias.

A comissão esteve no Ministério Público Federal (MPF) e na Assembleia Legislativa, em Campo Grande nesta quarta-feira (7). Nesta noite, embarca para Brasília e, na quinta-feira (8), se reúne com a Fundação Nacional do Índio (Funai) e Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH).

A comitiva visitou aldeias em Caarapó, região de conflito agrário no sul do estado, na terça-feira (6). Os indígenas não permitiram a presença da imprensa dentro das comunidades. Fotos tiradas por assessores mostram os visitantes nas aldeias.

Pelo menos 75 mil índios de várias etnias vivem em no estado. A demarcação de terras é a maior reivindicação e isso tem causado conflitos com produtores rurais. Segundo o relatório do Conselho Missionário Indigenista (Cimi), de 2003 até 2015, 426 índios morreram no estado. No mesmo período, foram 752 suicídios.

Leia a notícia na íntegra no site G1 - MS.

Fonte:
G1 - MS

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • Vagner Pereira da Cruz Abelardo Luz - SC

    Vão visitar a FUNAI e a CNDH ???? e os agricultores ??? quem vai visitar??? Quem vai ver as lavouras incendiadas no RS??? Quem vai ver os pedágios que o cidadão paga em Primavera do Leste????

    0
    • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR

      PERGUNTE A ELES : O QUE ELES FIZERAM COM OS ÍNDIOS QUE HABITAVAM SUAS TERRAS ANTES DA COLONIZAÇÃO ???

      0