Milho e trigo têm forte alta e puxam mercado da soja nesta terça-feira

Publicado em 24/01/2012 15:01 e atualizado em 24/01/2012 16:59 1430 exibições
O mercado internacional de grãos se recuperou das baixas do pregão noturno e do começo da sessão regular e fechou a terça-feira em alta na Bolsa de Chicago. Um leve movimento de realização de lucros pressionou os preços na sessão noturna e no começo da regular. No entanto, o milho e o trigo rapidamente passaram a subir e acabaram puxando os preços da soja.

O que sustentou o mercado da oleaginosa e do cereal é a severa estiagem que castiga a produção na América do Sul. O Sul do Brasil e importantes regiões produtivas da Argentina sofrem com o clima quente e seco que já provoca perdas muito sérias nas safras de ambos os países.

Uma estimativa da FAO - Braço da ONU para a Alimentação e Agricultura - mostrou que a colheita argentina de milho pode ficar em 21,4 milhões de toneladas. O volume, se confirmado, estaria bem aquém da projeção do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) e 7% menor do que a produção na temporada passada. 

Diante desse cenário, os futuros do milho e do trigo fecharam o dia com alta de dois dígitos. O milho ganhou mais de 10 pontos com esses problemas da seca. Já o trigo encontrou suporte também em uma possível restrição por parte da Rússia nas exportações do grão e fechou com mais de 13 pontos positivos em seus principais vencimentos.

Além disso, o mercado da soja em Chicago ainda se deparou com rumores de que a Argentina poderia limitar as exportações da oleaginosa. Mesmo ainda sem confirmação, os boatos acabaram impulsionando o mercado de grãos, que conseguiu encerrar o dia no campo positivo.

Veja como ficaram as cotações no fechamento desta terça-feira:

>> SOJA

>> MILHO

>> TRIGO

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário