Em Chicago, mercado da soja realiza lucros e opera sem direção

Publicado em 30/04/2012 13:55 885 exibições
Os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago operam sem direção no pregão regular desta segunda-feira. Por volta das 13h40 (horário de Brasília), os contratos maio, julho e agosto operavam em queda, com o primeiro perdendo cerca de 9 pontos. O novembro, porém, tinha uma leve alta de 0,50 ponto. 

A oleaginosa está mantendo os movimentos de realização de lucros do eletrônico e segue recuando. Essa correção dos preços chega após a soja romper, na última sexta-feira (27), a marca psicológica dos US$ 15 por bushel pela primeira vez desde julho de 2008.

Além disso, o mercado hoje demonstra-se mais cauteloso, com essa natural realização de lucros, diante do ajuste de posições pela qual deve passar com o contrato maio vencendo em poucos dias. "Hoje o mercado faz um pausa para analisar qual será o próximo passo. O que se vê é um incerteza acompanhada de uma leve pressão", disse Steve Cachia, analista de mercado da Cerealpar. 

No entanto, como vem sendo dito nos últimos dias pelos analistas, a tendência altista continua presente no mercado e os preços devem se manter em bons patamares até meados de julho, em função da bastante restrita oferta de soja principalmente na América do Sul. Depois disso, as cotações já deverão sofrer com uma leve pressão sazonal ocasionada pela entrada da safra norte-americana e da proximidade do início do plantio no Brasil. 
Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário