Chicago: Grãos retomam firme escalada dos preços depois dos números do USDA

Publicado em 11/07/2012 11:25 1194 exibições
Nesta quarta-feira (11), o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgou seu novo relatório de oferta e demanda reduzindo as estimativas de produção de soja e milho nos Estados Unidos e de produtividade de ambas as culturas nas lavouras norte-americanas. Depois da divulgação, os futuros da soja, do milho, do trigo e do farelo de soja já refletem os dados e operam com expressivas altas na Bolsa de Chicago. No início do pregão de hoje, os grãos operavam com extrema volatilidade à espera desses novos dados. 

Por volta das 11h (horário de Brasília), a oleaginosa operava com ganhos de quase 30 pontos nos principais vencimentos. O contrato agosto, o de maior liquidez no momento, era cotado a US$ 16,18 por bushel, subindo 28,25 pontos. O novembro, referência para a safra norte-americana, valia US$ 15,69, avançando 30,75 pontos. O milho também registrava bons ganhos, subindo quase 20 pontos nos vencimentos mais próximos, e o setembro valia US$ 7,38/bushel. 

Os cortes projetados pelo USDA são reflexo dos prejuízos que vêm sendo causados pelo clima adverso nos Estados Unidos. Em um estágio decisivo do desenvolvimento das plantas, as lavouras de soja, milho e trigo sofrem com a falta de chuvas e altas temperaturas. A seca, portanto, continua sendo o grande pilar de sustentação para os preços no mercado internacional. 

Clique no link abaixo e confira a notícia com os números do USDA detalhados:

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

3 comentários

  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    Você está correto. O Secretário de Agricultura Tom Vilsak fez pronunciamento mas não fez nenhuma correção ou ajuste nos números. Anunciou medidas de ajuda aos produtores e colocou mais de 1000 municípios como áreas de desastre, mas se disse otimista com a recuperação das safras a seguir.

    0
  • Ricardo Seghetto Passo Fundo - RS

    "erro de digitação" ou estratégia para conter altos preços?

    0
  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    Os preços do milho cairam porque o USDA anunciou que vai revisar para cima a área de plantio, ainda no dia de hoje. Ou erraram na avaliação ou o chefe não gostou de ver uma produção de milho tão reduzida.... O mercado de Chicago ficou confuso com essa situação inédita de revisar os relatórios no mesmo dia. Especula-se que apontarão um erro de digitação no rendimento...

    0