Alta do dólar deve estimular venda da soja em Mato Grosso

Publicado em 23/08/2013 16:17
664 exibições

Em 2012, no mesmo período, a venda da soja futura alcançava 31,2%. Especialistas dizem que produtores devem travar negociações.

A recente alta do dólar, que chegou a R$ 2,40, deve estimular os produtores de Mato Grosso a comprarem soja futura. No último mês o desempenho das comercialização foi lenta, com avanço de apenas 4,6 pontos percentuais, considerando que 58,6% da produção da safra 13/14 foi vendida. No ano passado, neste mesmo período, a venda da soja futura alcançava 31,2%.

O analista do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Angelo Ozelame, explica que a comercialização da soja ocorreu pelo sistema de troca. “Os produtores, principalmente das regiões noroeste e oeste do estado, aproveitaram para comprar os insumos”, explica.

Conforme ele, o alto custo de produção frente ao preço cotado pela soja travou a venda até o momento. Em julho, ele ficou em R$ 44,82 por saca de 60 quilos, em média - abaixo do custo de produção, estimado em R$ 47,23 , considerando uma produtividade de 51 sacas por hectare. “Mas a expectativa é que a comercialização avance nos próximos meses”, disse.

Leia íntegra no G1

 

Tags:
Fonte: G1

0 comentário