Soja: Mercado interno tem baixa liquidez

Publicado em 09/09/2013 10:43
643 exibições

Após as altas registradas em algumas semanas de agosto, agentes estão cautelosos em realizar novas negociações envolvendo a soja no mercado interno. As divergências entre as ofertas de compradores e de vendedores também causam lentidão nas negociações. Segundo pesquisadores do Cepea, as atenções continuam direcionadas à área a ser colhida nos Estados Unidos e à área a ser semeada no Brasil. Entretanto, os valores elevados incentivam sojicultores a negociarem soja para a próxima safra, que, no geral, está em ritmo bem menor que nos anos anteriores. Os preços médios FOB porto de Paranaguá para entrega no primeiro semestre de 2014 estão em torno de US$ 28,80/saca de 60 kg. No físico brasileiro, entre 30 de agosto e 6 de setembro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (produto transferido para armazéns do porto de Paranaguá), em moeda nacional, recuou ligeiro 0,5%, fechando a R$ 73,30/sc de 60 kg na sexta-feira, 6. Ao ser convertido para dólar, moeda prevista nos contratos futuros da BM&FBovespa, o Indicador fechou a US$ 31,77/sc de 60 kg, alta de 2,78% no período.

Tags:
Fonte: Cepea

0 comentário